4 Superdicas Para Começar a Tocar Violão e Teclado Na Igreja

Para muita gente tocar violão ou teclado na Igreja é para quem é jovem, solteiro e goza de tempo de sobra para fazer o que quer. Isso não é verdade! Tocar instrumento na Igreja não é impossível e não tem limite de idade.

O objetivo deste post não é te dar uma receita mágica que fará de você um músico profissional que vive de música. A intenção é apenas te orientar nos primeiros passos e te mostrar que tudo depende em adquirir novos hábitos. O importante é iniciar e sentir o prazer de ter vencido o primeiro obstáculo que é começar a tocar alguma coisa.

1) Comece com músicas simples

Não é difícil saber o que faz uma música ser simples para quem está aprendendo. Você vai observar 2 coisas apenas: 1º) a quantidade e o tipo de acordes que ela tem; 2º) se é fácil de cantar.

Uma música simples contém no máximo 5 acordes. Esses acordes são constituídos de notas com pouco acidentes musicais, ou seja, os acordes sustenidos (#) e bemóis (b) são raros de aparecer, ou melhor, não aparecem. Se o seu desejo é aprender violão evite aprender logo de início acordes que exigem pestana; acordes com pestanas é desestimulante para quem está iniciando.

No que se refere à letra, deve ser uma canção que seja fácil de cantar e não muito longa. Canções que pouca letra é mais fácil de memorizar. É por isso que são as mais tocadas nos rádios porque todo mundo canta. Para te ajudar nessa procura eu selecionei do nosso Livro 1001 Razões Para Louvar e Adorar 15 canções que se enquadram nesses quesitos. Você pode baixar o e-book totalmente gratuito dessas canções clicando na figura abaixo.

2) Memorize os acordes

Se você selecionou uma canção com poucos acordes, memoriza-los não será difícil.  Uma indicação que dou é a música Desperta (awake my soul), de Chris Tomlin com a versão em português de André Valadão. 

A canção tem apenas 4 acordes e nenhum deles apresenta acidentes musicais ou pestana. Um bom treino para saber se memorizou bem é fazer cada acorde sem ter que olhar no papel e também sem olhar para as mãos. Difícil? Pode até ser, mas não é impossível.

Isso forçará você a sentir melhor o instrumento. É por isso que o ideal, como dissemos acima, é escolher uma canção simples.

Lembre-se sempre de uma verdade: OLHAR PARA AS MÃOS E DEDOS ATRAPALHAM O TEU DESENVOLVIMENTO NO INSTRUMENTO.

3) Acompanhe o áudio

Depois que você estudou os acordes e memorizou cada um deles agora vamos “forçar” os dedos a movimentar no instrumento na hora certa. Coloque a letra cifrada na sua frente, solte o áudio e tente acompanhar as cifras do áudio. Talvez você não consiga acertar nenhum dos acordes na primeira vez. Não fique triste, isso é completamente normal para os iniciantes. O importante é não desistir.

Para te ajudar eu criei dois vídeos (violão e teclado) com a canção que te sugeri acima (Desperta) onde tem a letra e os acordes. Assim você escuta a música e acompanha as cifras.

Acredite, esse é um exercício maravilhoso.

Os vídeos estão logo abaixo:

4) Toque com um grupo

Talvez esse seja o maior desafio para você. Mas não se preocupe vou te dar algumas dicas.

1ª dica – Toque para um grupo pequeno. Escolha um grupo de pessoas que você tem afinidade e que não vão te criticar, mas te ajudar. Não vá logo de cara tocar na Igreja. Escolha uma célula, grupo familiar, grupo de amigos, familiares, etc.

2ª dica – Deixe claro para eles que você está aprendendo e precisa da ajuda deles. Fale que você estudou uma canção e que talvez vá errar, mas quer tentar tocar. Deixe claro que você não consegue tocar e cantar ao mesmo tempo ainda e que precisa da ajuda deles. 3ª dica – Coloque o nosso vídeo para que eles possam cantar junto enquanto você toca. Isso é incrível. Dessa forma eles vão aprender a cantar a música enquanto você “aprende” a tocar.

Importante:

  • Lembre-se que você está apenas iniciando o teu estudo. Não exija de você o resultado de um músico profissional. É como aprender a falar uma língua estrangeira; comece. A melhor forma de começar é fazendo. *
  • Não se preocupe com o ritmo do violão; com o tempo você vai aprender a executá-los, agora o que é necessário é mudar os acordes na hora certa.
  • No teclado escolha um som agradável e que fique fixo. Evite o som de piano. Se for usá-lo coloque piano/string. O som ideal é string ou qualquer som suave de fundo da família “pad”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *